Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

03
Jan13

Amor, desilusão e força

O Informador

Cada vez acredito mais que só podemos mesmo confiar em nós próprios porque nos outros a cada passo de vida que se dá, existe sempre alguém que falha e mete o pé na poça dos erros. Não falo, felizmente, de mim, que estou bem do coração!

Nas relações de amor a desilusão acontece mesmo quando não se está à espera e acabamos por sair magoados, mesmo depois de andarmos a lutar contra as marés e contra quem nos rodeia a pensar que estamos a seguir no bom caminho. Somos várias vezes alertados pelos outros que algo está mal, que não devemos seguir tais caminhos, mas não damos ouvidos, porque no amor sabemos sempre tudo e estamos sempre tão apaixonados que nada é mau na outra pessoa. 

As relações de amor não são de todo um mar de rosas sem espinhos, existem sempre os altos e baixos e existem sempre os momentos em que tudo parece estar bem, aos nossos olhos. Um casal é feito a dois e quando ambos se entendem e puxam pelo que têm em comum tudo pode acontecer de forma positiva, quando tal não acontece, mais cedo ou mais tarde, o muro cai e tudo tem que terminar.

Um peão a andar sozinho e com o outro a reboque acaba por se cansar, acaba por perceber que o outro o magoa, que o outro o desilude, que começa a ter tudo contra si, porque todos percebem o que está a acontecer, menos a pessoa que acredita que a outra consegue mudar para o bem dos dois.

O amor é uma arma complicada quando se está mesmo com a paixão no auge, mas não se é correspondido. A desilusão que as pessoas nos dão leva-nos a andar pelos cantos, pensando que tudo está mal, que tudo vai terminar mal e que somos uma merda, mas felizmente que uns tempos depois tudo isso muda e após a desilusão vem a vitória sobre nós próprios que voltamos a sorrir ainda com mais energia e força de vontade para voltarmos a ter tudo à nossa volta e podermos ser felizes sem pensarmos que alguém nos pode andar a fazer mal.

O fim de uma relação é o final de uma etapa e o início de um novo ciclo surge, tendo que se acreditar sempre que nada acontece por acaso e que saímos com maior garra e percepção dos erros que fomos cometendo e deixamos cometer.

O amor é fodido e ponto final!

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

young-adult-50-mrec

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Comentários recentes

  • eu não sei mas ou esta gente faz o mesmo em casa ,...

  • O Informador

    Sem dúvida! Existem momentos em que é necessário d...

  • O Informador

  • Sofia

    Ricardo, as nossas obrigações e prioridades estão ...

  • Cláudia C Silva

    Verás que sim :)

Pesquisar

Atual Leitura
Top mais vendidos Wook