Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As Inseparáveis | T1 | Amizade

Netflix

AAAABWcExk2VJf62rVo8olHy5oO9zXRM7iNHL3XcndNvgpZCR6

 

Em mês de Dia dos Namorados, a Netflix lançou a série As Inseparáveis, mostrando que o amor pode ser demonstrado de diferentes formas, e nesta produção a amizade que une Kate e Tully ultrapassa tudo e todos, já que nada as detém quando estão juntas.

Baseada na obra literária de Kristin Hannah e sem recorrer ao romantismo base de muitas séries que andam por aí mas também sem dramatizar demasiado, esta autêntica celebração da amizade é focada em duas mulheres que se conhecem na adolescência e continuam juntas aos quarenta. Numa ligação que começa quando Tully se vê obrigada a mudar-se para Firefly Lane, onde tem como vizinhos a família de Kate, com quem aos poucos faz amizade. A partir dai as duas adolescentes não mais se largaram. Numa viagem ao longo de trinta anos, conhecemos o bom e o mau de ambas, do apoio para as birras pelos objetivos em comum mas com etapas a serem vividas de forma diferente mas sem qualquer distanciamento entre as duas. Dos romances e relações falhadas, as conquistas profissionais e as frustrações, a solidão e a maternidade, num desfiar de emoções que vão sendo partilhadas e comentadas dentro do que a real amizade simboliza. 

Sendo contada ao longo de dez episódios por quatro tempos distintos, muito bem percetíveis entre si, As Inseparáveis contam com Sarah Chalke no papel de Kate, a minha preferida das duas, e Katherine Heigl, de Anatomia de Grey, desta vez no papel de Tully. Se a primeira, Kate, procura estabilidade e parece ser focada e dedicada ao que a faz feliz, não dando passos rápidos, sendo vista de forma inicial como a nerd de serviço, já a segunda, Tully, é a querida amiga louca, sem muito questionar, muito derivado a um passado de altos e baixos e sem um equilíbrio familiar.

Com um pequeno elenco mas bem composto, bem desenvolvida, leve e sem grandes empates, As Inseparáveis tem uma boa primeira temporada, capacitada para conquistar de forma agradável a ponto da Netflix ser forçada a avançar para nova fornada de episódios porque a série merece, para mais com um final que fica em aberto.

 

1 Comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.