Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horizonte de conquistas

5e9308d74a38e.jpg

 

Percorrer penhascos em busca do caminho, encontrando a reta feliz sem fiascos e desalentos. Seguir passo após passo sem oscilar, enfrentando a linha certa pelo ideal trajeto onde a liberdade de espírito acaba confinada a um só ser, o individual, onde cada qual conseguirá interpretar o que pode ou não ser a sua racionalidade perante uma sociedade tão meramente complexa como decrescentemente desmoralizadora. 

Encontrar percalços, dar a volta, criar formas de superar cada imprevisto que se atravessa pelo penhasco até se conseguir chegar a caminho exato, sem aqueles contratempos que por vezes acabam por fazer recuar até o mais resistente comum dos mortais. Pensar como um só ser, encaminhando os restantes a seguirem caminhos exatos mas sem oscilar numa só posição pessoal para não deixar que quem siga atrás se confunda num percurso onde cada qual serve de guia a quem segue leves passos, confinados e prematuros, mas onde a inspiração é fundamental para se seguir em frente, pisado pisos lamacentos mas que se foram ultrapassados anteriormente tenderão a ser conquistados de diferentes formas posteriormente. 

Caminhos com entraves nunca são sinónimo de final, sendo sim o equivalente a uma luta pessoal para com o futuro que tenderá a ser de conquistas e novos horizontes. 

 

1 Comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.