Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

regresso-as-aulas-apoio-escolar-billboard

O vencedor do livro A Minha Vida Dava Um Blog

09
Nov14

Vencedor A Minha Vida Dava Um BlogTenho vários passatempos literários pelo blogue pelos últimos dois anos, desde que iniciei O Informador, e como a editora Lua de Marfim tem estado do meu lado ao longo deste tempo e lançou recentemente um livro onde também o mundo da blogosfera está em destaque num romance da autoria de Marta Castro Ferreira, a parceria resultou num passatempo para oferecer um exemplar da obra A Minha Vida Dava Um Blogue. Agora e porque o prazo de participações já terminou, é tempo de revelar o nome do vencedor que foi seleccionado através do sistema random.org.

Quem venceu este livro que relata o dia a dia de uma mulher que percebeu que se tinha de dedicar mais a si para também poder conquistar os outros foi a leitora Inês Abadesso, a quem dou desde já os Parabéns!

Aos restantes participantes deixo-vos com algumas dicas... Continuem a aparecer pelo blogue porque os passatempos estão sempre a aparecer e muito há para ser contado sobre mim, a vida, as notícias e tudo o que me rodeia! Já agora, não se esqueçam de ler, porque as palavras transformadas em boa literatura são uma das melhores companhias para a vida!

A Minha Vida Dava Um Blog

Título: A minha vida dava um blog

Coaching para o dia-a-dia

Autor: Marta Castro Ferreira

Coleção: Lua Cheia

Género: Contos

Ano: 2014

ISBN: 978-989-87​24-33-5

Formato: 15 x 22 cm

Páginas: 100

P.V.P.: 10,00 €

Um blog para sonhadores, inspiradores, Messias Modernos e toda e qualquer pessoa que queira a melhor versão de si próprio e, claro, Mudar o Mundo…

(…) A verdade é que estive os últimos anos, muito dedicada a mim. Talvez em demasia, mas foi o trabalho interior que precisei de fazer comigo mesma. Por vários motivos, tinha-me esquecido de mim, da minha relação comigo, aliás, acho que nunca tinha aprendido a nutri-la… Aprendi sobre isso ou de­di­quei-me a isso estes anos. Aprender a aceitar-me, a conhecer-me, a perceber a minha dualidade, a saber o que me faz sentir bem e o que me dá energia… Vários pedaços de mim que comecei a tentar encaixar para saber, afinal, quem é a Marta… E assim os anos (e esse trabalho interno) foram correndo…

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.