Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Retirei a máscara

máscara covid19.jpg

Há sensivelmente um mês que decidi retirar o uso de máscara em grande parte dos locais por onde circulo no dia-a-dia. No trabalho, na ida ao supermercado ou centro comercial, nos cafés e barbeiro, e por aí fora... Deixei de andar de máscara, andando como que a fugir como se tivesse a contornar os pingos da chuva, uma vez que estou vacinado mas o vírus não me atacou, pelo menos que saiba e tenha tido sintomas do mesmo ao longo de todo este tempo.

Desde que o Covid19 foi declarado em Portugal que não senti sintomas do vírus, no entanto uns meses antes o corpo quebrou por uns dias, mas nessa altura ainda só se dizia que o malfadado vírus somente circulava na China e nem sinais na Europa. Ao longo dos dois anos de pandemia tive todos os cuidados necessários para o evitar mas agora que os nossos soberanos libertaram a obrigação da utilização da máscara na maioria dos espaços públicos, optei por seguir a linha do vamos lá seguir em frente pensando que pode acontecer mas optando por acreditar que se o vírus atacar que venha como uma gripe sem sintomas de maior. 

Até agora consegui esquivar-me ao bicho papão que nos tem atormentado a vida desde o início de 2020 em Portugal e assim espero continuar, no entanto optei por respirar sem máscara, andando constantemente a esfregar as mãos com álcool gel, tentando ao mesmo tempo evitar certos aglomerados, mas como em tudo na vida, o que tiver de ser será, seja perante um grande conjunto de pessoas ou quase na solidão. 

2 Comentários

  • Safei-me até agora, embora já não saiba se me safei ou se passou despercebido em alguma altura que nem sei por ele.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.