Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Universitários-billboard

Um Fogo Lento | Paula Hawkins

Topseller

um fogo lento.jpg

Título: Um Fogo Lento

Título Original: A Slow Fire Burning

Autor: Paula Hawkins

Editora: Topseller

Edição: 1ª Edição

Lançamento: Junho de 2021

Páginas: 344

ISBN: 978-989-5644-91-9

Classificação: 3 em 5

 

Sinopse: Um homem é encontrado brutalmente assassinado em Londres, dentro de um barco, o que levanta uma série de questões sobre três mulheres que o conheciam.

Laura é a jovem problemática que foi vista pela última vez com a vítima. Carla é a tia inconsolável, ainda de luto por outro familiar falecido pouco tempo antes. E Miriam é a vizinha bisbilhoteira que encontrou o corpo coberto de sangue, mas que claramente esconde segredos da polícia.

Três mulheres com ligações distintas a este homem. Três mulheres consumidas pelo ressentimento que estão ansiosas por se vingarem do mal que lhes foi infligido. E, quando toca a vingança, mesmo as melhores pessoas são capazes dos atos mais terríveis.

Até onde irão estas mulheres para encontrar a paz de espírito? E durante quanto tempo podem os segredos arder em fogo lento antes de irromperem em chamas descontroladas?

 

Opinião: Paula Hawkins regressa com um terceiro thriller e consegue manter a mesma linha dos seus sucessos anteriores. Após o sucesso de A Rapariga no Comboio e de Escrito na Água, desta vez é com Um Fogo Lento que se volta a juntar aos seus já fiéis leitores para se desvendar um novo crime onde entre assassinos e inocentes até ao momento final todos podem ser considerados suspeitos.

Neste novo thriller psicológico tudo começa quando o jovem Daniel é encontrado morto no seu barco casa onde viveu ao longo dos últimos tempos. Miriam é a mulher que faz a descoberta e que vive igualmente num barco, dando assim o alerta para que a investigação se inicie. No surgimento de várias personagens, entre as quais duas narradoras em que rapidamente se percebe que não se pode confiar, o leitor é convidado a percorrer percursos onde aparentemente alguns se cruzaram nas horas que antecederam o crime. Quem terá cometido o ato final para com este jovem agora morto?

Conhecendo Theo e Carla, os tios de Daniel, que viram o seu casamento desmoronar no momento da morte do pequeno filho aos três anos de idade e também Angela, a mãe de Daniel e irmã de Carla, que vive sozinha após o filho ter abandonado a convivência maternal por existir um relacionamento com vários transtornos pelo meio, de imediato ficamos a perceber que por detrás deste jovem morto existe um passado bem pesado e uma família destruída por um acidente que alterou o rumo de todos. 

Seguindo linhas bem geridas mas dadas a conhecer ao leitor de forma um pouco confusa mesmo com o recurso a um pequeno elenco, o caminho que Paula Hawkins criou perante toda a investigação deixa o leitor em suspenso várias vezes e ao mesmo tempo conturbado perante as alterações que vão sendo sentidas ao longo de todo o processo onde os vários prismas perante a visão dos acontecimentos vão sofrendo entraves pela visão e desabafos que as diversas personagens vão deixando escapar para se protegerem a si e a quem esconde segredos em comum. 

Sem conseguir superar a supremacia com que A Rapariga no Comboio foi idealizado para alcançar o sucesso mundial, Um Fogo Lento é mais um thriller psicótico onde os possíveis culpados se protegem ou colocam na frente da luta para que a verdade não surja. Supor, alterar a ideia do verdadeiro culpado e perceber que o final acaba por surpreender é das melhores coisas a acontecer com o leitor de um thriller, no então as diretrizes com que esta narrativa vai sendo conduzida ajudam a confundir um pouco, faltando aquele toque de surpresa com um bom toque de correria e mistério pelo meio. Foi quase lá, mas não conseguiu superar as expetativas, embora esteja bem encaminhado!

 

Se ficaste curioso, encomenda já o teu exemplar de Um Fogo Lento, de Paula Hawkins

um fogo lento capa.jpg

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.