Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Informador

Pensamentos que podem ser de qualquer um!

Um género de folar

30
Mar18

folar.jpg

Não provando não sabemos se é bom, já lá dizem os mais velhos e a mensagem vai passando de geração em geração e esta é a pura das verdades! Já provei folares tradicionais da zona Norte do país e confesso que não me cativaram assim tanto, mas acabei por comprar um género de folar alentejano, que no momento da compra ouvi o nome mas que não me ficou na memória, tendo pesquisado e não consegui encontrar a identidade deste produto, mas o que é certo é que com ou sem o nome real, o sabor é fantástico.

Uma massa doce, que comi em modo sandes onde coloquei queijo e salpicão, e que me deliciou! Este género de folar é verdadeiramente uma delícia, daquelas delícias inesperadas que chegam a uma montra de pastelaria e que te piscam o olho. Comprado, levado para casa e servido para transmitir a sua verdadeira essência, mostrando que os lugares e mesmo as mãos pasteleiras que produzem quase o mesmo produto conseguem provar a diferença em termos de qualidade para que se fique com uma boa memória para se voltar a repetir mais tarde. 

Quente, doce e consistente, foi assim que percebi que este folar alentejano me cativou! Quem puder e encontrar este produto à venda não hesite em experimentar, para mais se ainda estiver quente do forno... 

Acreditam que só de escrever e pensar já fiquei com água na boca?! «Delícia, delícia, assim você me mata...».

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.